terça-feira, 27 de dezembro de 2011

CHEIROS

Floresta encantada 
sonhos verdes
cheiro de terra
as folhas inteiras
veias marcadas
hábitos noturnos
Corro e canso,
coração manso não sabe mentir
pudera voar como as folhas secas
nas brisas de outono
em sonho encontrar teu sono 
entrar em tua janela
ser tua estrela, tua lua
morar na tua rua
O que ninguém sabe
é que tudo posso
na minha floresta encantada.
Cheiro de sonho, cheiro de mato, cheiro de amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário