segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

CHUVA

Chove
leva tudo, lava a alma
anoitece
o futuro adormece e acalma
Esqueço de que fui
Conheço o que sou
Se chove ou se vou
tanto faz
águas passadas e
vidas marcadas
não voltam atrás.

Nenhum comentário:

Postar um comentário