quarta-feira, 25 de setembro de 2013

EDUCAÇÃO x PRECONCEITO

Não há nada mais lamentável, do que ver profissionais da área da educação reproduzindo em suas páginas pessoais e fora delas, discursos e imagens homofóbicas. Profissionais da educação, ao pé da letra, por certo deveriam ser a esperança de um país, de um mundo sem preconceitos, sem estigmatizações, sem intolerância e com muito, mas muito respeito ao próximo. Não basta desejar um país que invista na educação de qualidade. Também é necessário, é indispensável, diria, que professores sejam exemplos de bom senso, respeito ao próximo, de educação, sobretudo. Não há sentido em desejar transformar o mundo e pregar o respeito mútuo aos alunos, quando um professor revela em seus próprios discursos e atos, mesquinharia, retrocesso e preconceito. Sejamos exemplo aos nossos jovens e crianças, dentro e fora da sala de aula, de profissionais que respeitam as diversidades e que superaram os limites do pensamento arcaico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário